728 x 90
  • OAB precisa fazer, urgente, um desagravo aos “advogados agressivos”!

    OAB precisa fazer, urgente, um desagravo aos “advogados agressivos”!

    • 01/04/2021

    1. A dura acusação que vem de dentro Começo com uma acusação dura: “procuradores da força tarefa da ‘lava jato’ desprezaram garantias fundamentais dos acusados”. Calma. Antes de os protagonistas fazerem uma interpelação, informo que a acusação foi feita por três insuspeitos (veja-se: ainda existem pessoas insuspeitas no país do suspeito Moro-‘Je-ne-me-regrette-rien’ ) procuradores da república, ex-presidentes

    LEIA MAIS
  • Eleições da OAB/SP: Da imprescindibilidade do voto à distância

    Eleições da OAB/SP: Da imprescindibilidade do voto à distância

    • 31/03/2021

    Por Augusto de Arruda Botelho, VIPBruno Salles Ribeiro, Fábio Tofic Simantob, Marcela Fleming S. Ortiz, Marcelo Feller, Maria Jamile José, Paula Lima Hyppolito Oliveira e Paula Sion de Souza Naves Nas últimas eleições, realizadas no ano de 2018, dos aproximadamente 300.000 advogados e advogadas regularmente inscritos, cerca de 150.000 compareceram às urnas, distribuídas pelos vários

    LEIA MAIS
  • Investida contra escritórios autorizada por Bretas foi articulada por Deltan

    Investida contra escritórios autorizada por Bretas foi articulada por Deltan

    • 04/03/2021

    Por Tiago Angelo A investida contra escritórios de advocacia autorizada em setembro do ano passado pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio de Janeiro, foi articulada pelo procurador Deltan Dallagnol, ex-coordenador da “lava jato” em Curitiba.  Ao todo, 77 endereços ligados a escritórios, empresas e casas de advogados foram alvo de buscas e apreensões. A justificativa era

    LEIA MAIS
  • Como Moro, ainda juiz, ajudou bancas de advogados dos EUA a ganhar dinheiro com a Lava Jato

    Como Moro, ainda juiz, ajudou bancas de advogados dos EUA a ganhar dinheiro com a Lava Jato

    • 09/02/2021

    Por Joaquim de Carvalho No Brasil, um grupo de advogados enriqueceu com a chamada “indústria da delação premiada”, escreve o jornalista Joaquim de Carvalho, que teve acesso a documentos da defesa de Lula que mostram que algo parecido foi feito pelo ex-juiz também em outros países. “Ele certamente foi um agente de grandes escritórios de

    LEIA MAIS
  • Lava Jato monitorava minuto a minuto o grampo nos advogados e em Lula

    Lava Jato monitorava minuto a minuto o grampo nos advogados e em Lula

    • 04/02/2021

    Por Luis Nassif   Os procuradores eram informados minuto a minuto do que ocorria e articulavam os próximos passos em função das conversas grampeadas. Outro relatório do perito contador Cláudio Wagner levantou as conversas da Lava Jato sobre o monitoramento dos telefones dos advogados de Lula e do próprio Lula, confirmando que servia para identificar

    LEIA MAIS

Mais do Prerrô

Compartilhe