728 x 90
  • O revogaço das armas à luz da teoria do direito adquirido

    O revogaço das armas à luz da teoria do direito adquirido

    • 25/11/2022

    Por Rodrigo Portella Guimarães Ainda com poucos holofotes, o trabalho em curso na transição das pastas da Justiça e Segurança Pública demarca um enfrentamento direto aos temas mais caros ao núcleo duro bolsonarista. Capitaneado pelo Senador Flávio Dino, o grupo de excelência debate e busca alternativas que visam garantir desde a reconstrução do aparato institucional

    LEIA MAIS
  • Ainda o CNJ e concursos: direito se resumirá ao estudo de vieses?

    Ainda o CNJ e concursos: direito se resumirá ao estudo de vieses?

    • 07/10/2021

    “Será a teoria talvez mais do que o exibido pela instituição moderna da ciência? Será porventura a práxis algo mais do que a mera aplicação da ciência? Far-se-á uma distinção correta de teoria e práxis, quando se consideram somente a partir de sua oposição?” (Hans-Georg Gadamer, O elogio da teoria. p. 30) Quando li o artigo de

    LEIA MAIS
  • O (pen)último texto sobre a suspeição de Moro: por que divergimos?

    O (pen)último texto sobre a suspeição de Moro: por que divergimos?

    • 23/03/2021

    Tenho assistido com certo desânimo os debates sobre a suspeição do ex-juiz Moro. Independentemente das inclinações pessoais do leitor, gostaria de oferecer algumas balizas para superar esse impasse ou, ao menos, “limpar o campo” para divergências mais produtivas. E essas balizas vêm da teoria do direito. É estranho constatar isso, mas o direito é uma

    LEIA MAIS
  • Senso comum teórico dos juristas

    Senso comum teórico dos juristas

    • 15/02/2021

    A expressão “senso comum teórico” vem de Luís Alberto Warat, eminente professor argentino que desvelou as máscaras do “óbvio”, mostrando/denunciando, no âmbito da Teoria do Direito, que as “obviedades, certezas e verdades” transmitidas pela dogmática jurídica não passam de construções retórico-ideológicas. Não que todo o discurso dogmático- jurídico seja ideológico; mas parcela considerável o é,

    LEIA MAIS
  • O Sereníssimo Direito! Quando Nebrask vira Caneca!

    O Sereníssimo Direito! Quando Nebrask vira Caneca!

    • 15/10/2020

    1. O Sereníssimo conceito de Direito O Direito não é exatamente o que parece ser, dizem. O Direito é aquilo que quem tem poder diz que é. Machado de Assis já sabia disso. Teimoso, tenho recaídas. Não deveria mais discutir esse assunto. Se eu fosse buscar na literatura um modo de tentar metaforizar o mundo

    LEIA MAIS

Mais do Prerrô

Compartilhe